Dia de Campo em Passa Sete: confira fotos

Agricultores de Passa Sete participaram na tarde de quarta-feira, 13 de outubro, de um Dia de Campo sobre Cisternas. A atividade, que integra as ações da Semana da Água no município, foi realizada na propriedade dos agricultores Marlene e Osvaldo Rech, na localidade de Pitingal, e promovida pela Associação das Trabalhadoras Rurais de Passa Sete e Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR).









A atividade que integra as ações do Projeto "Cisternas nas Propriedades Rurais", desenvolvido pela Associação das Trabalhadoras Rurais de Passa Sete e Emater/RS-Ascar, teve como objetivo demonstrar aos participantes sobre a importância da captação da água da chuva em cisternas e a utilização da mesma na irrigação para a produção de hortaliças. "Temos no município, principalmente no verão, escassez de água. Então o objetivo desse projeto é reservar essa água. E, além disso, utilizá-la na irrigação da horta para produção de alimentos, utilização para os animais e a limpeza na propriedade", destaca a extensionista rural Social da Emater/RS-Ascar, Marly Ferreira Todendi.


Durante a atividade, o público acompanhou três estações, que abordaram os temas cisternas, irrigação e segurança alimentar. "Essa propriedade é uma unidade demonstrativa, que serve de exemplo e modelo para as demais propriedades dessa comunidade, para estimular as famílias a também instalar nas suas propriedades as cisternas, ter irrigação aproveitando a água da chuva e assim preservar a fonte natural existente para a subsistência da família", conclui Marly.


A anfitriã do evento, a agricultora Marlene Rech, enfatizou a importância do sistema de captação de água da chuva e a participação em atividades para conhecer essa técnica. "É sempre bom a gente ver como as coisas funcionam para poder fazer na nossa propriedade, e espero que outras pessoas se sintam estimuladas a fazer na sua", destacou.


Por meio do projeto "Cisternas nas Propriedades Rurais", cada presidente de grupo de Trabalhadoras Rurais recebeu uma caixa d'água com capacidade para armazenar dois mil litros e um kit de peças para a instalação do mesmo. Assim, com a instalação de calhas nas residências, galpões ou varandas, será possível armazenar a água da chuva. A aquisição das caixas d'águas e o kit de peças é realizada com recursos da Associação das Trabalhadoras Rurais de Passa Sete, já a mão de obra para a instalação da cisterna ficará a cargo dos proprietários.


Presente na atividade, o prefeito de Passa Sete, Maurício Afonso Ruoso, salientou a importância do projeto desenvolvido pelas Trabalhadoras Rurais. "Nós não podemos pensar na importância de reservar a água somente no período de estiagem. Precisamos implantar ações e projetos como esse sempre que possível para preservar esse bem tão valioso do nosso meio ambiente", frisou o gestor.


A agricultora Claudete Batista Feron foi uma das beneficiadas com o Projeto e participou do Dia de Campo. "É bom participar e ver o que dá certo numa propriedade para poder melhorar a nossa. É sempre um aprendizado, sempre levamos alguma coisa nova para casa. Era o meu sonho ter uma cisterna e quando a associação nos presenteou eu fiquei muito feliz. Agora a minha horta está linda, o sistema está funcionando", enfatizou. Na propriedade da família são cultivadas hortaliças como rúcula, alface, repolho, brócolis tempero verde. "Tudo o que consumimos em casa eu cultivo na minha horta", conclui.

Texto: Assessoria de Imprensa Emater/RS-Ascar