Passa Sete alerta para economia de água

A severa estiagem e o forte calor que vem castigando a região estão deixando um rastro de pesados prejuízos para os agricultores de Passa Sete. Se não bastassem as perdas na agricultura e pecuária, a falta de chuva que extingue lavouras, rios, arroios, vertentes e açudes também estão provocando a escassez de água para consumo humano.




A secretaria de agricultura e obras estão se empenhando na realização de aberturas e manutenções de fontes drenadas, bebedouros e açudes para amenizar a falta de água intensificando os trabalhos nesses últimos dias no município, tendo realizado desde o inicio de 2021 aproximadamente 150 serviços de limpeza e abertura de bebedouros e mini açudes para acumulo de água para a dessedentação animal, bem como limpeza e abertura de fontes, somando um total de 58 fontes drenadas até o momento.



Conforme o secretário, Aloísio Bernardy, a intensificação dos serviços é para tentar amenizar o impacto da estiagem, no que tange a falta de água. “Nosso objetivo é ajudar essas famílias agricultoras a terem acesso a uma água de qualidade, seja para o consumo humano ou animal”, destaca.

Segundo Bernardy, os trabalhos de limpeza de bebedouros e entrega de água estão sendo realizados pelas secretarias de Obras e Agricultura.




Além disso, a Secretaria de Obras está realizando desde março de 2021 a entrega de água com caminhão pipa, serviço esse que intensificou nos últimos dias sendo que hoje tem 85 famílias do interior sendo abastecida com água para consumo humano. “Atendemos essas famílias e a cada dia aumenta mais a necessidade de abastecimento de água, e sem a previsão de chuvas expressivas para os próximos dias a tendência é aumentar o numero de pessoas a solicitar abastecimento” salienta o secretário de Obras Elói Kipper.



Cabe informar que temos um limite diário de litros de água para abastecer a população, pois a demanda é grande e não conseguimos abastecer todas as famílias diariamente, dessa forma, pedimos a compreensão de todos em função de possíveis atrasos e principalmente, que economizem a água.




.

Texto e Fotos/ Assessoria Prefeitura Municipal